Quando se pensa em um grande vinho de uma região do Médoc menos badalada que suas principais comunas, nas zonas tidas como Haut-Médoc, o Château Potensac é certamente uma das primeiras escolhas. O principal vinhedo do Château Potensac está plantado com 46% Merlot, 35% Cabernet Sauvignon, 16% Cabernet Franc, 2% Carménère e 1% Petit Verdot. Isso representa uma grande mudança nas plantações de vinhedos que foram cultivados anteriormente com 60% de Cabernet Sauvignon. O terroir consiste em um solo de cascalho com manchas de argila e calcário.
Pertencente ao grupo Delon, o mesmo do Léoville Las Cases, este é um Château que, ano após ano, mostra-se muito consistente. Como a área ao norte do Médoc tem alta concentração de argila em relação ao restante da região, a proporção de Merlot e Cabernet Franc aumenta no corte do “Grand Vin” Potensac, oferecendo maciez e elegância ao conjunto. Normalmente é um tinto com bom poder de envelhecimento, embora possa ser apreciado em um momento mais jovem.
Em seu segundo vinho, Chapelle de Potensac, este raciocínio é ainda mais evidente. Com alta proporção de Merlot no corte, o vinho é acessível em tenra idade. O aporte de madeira é adequado, jamais sobrepujando a fruta.
X
Menu