Léoville Barton

2011

R$1.090,00

Available:Em estoque

Produtor: Leoville Barton

Safra 2011
País França
Região Bordeaux
Sub-Região/Apelação Saint Julien
Volume 750ml
Uvas Cabernet Sauvignon | Merlot | Cabernet Franc
Temp. de Serviço 16º – 18º
Álcool 13%
Download Ficha
Share this product

O Chateau Leoville Barton é um dos principais vinhos de Saint Julien. Na classificação de 1855 foi avaliado como Second Cru Classe, segunda maior classificação de Bordeaux e maior classificação de Saint Julien. O produtor tem este vinho como seu principal produto, fato que o faz levar o nome da casa.

No terroir do Leoville Barton predomina cascalho com um subsolo de argila. A principal uva plantada é a Cabernet Sauvignon, sempre predominando no blend do vinho. Estes fatores aliados ao processo de fermentação com co-inoculação, ou seja, a fermentação alcoólica e malolática ocorrem ao mesmo tempo, são os principais responsáveis pelas características deste maravilhoso vinho.

Tradicionalmente o Leoville Barton apresenta grande poder de guarda, sendo que as vinhas antigas e o envelhecimento em madeira por pelo menos 20 meses colaboram para isto. Este vinho pode ser envelhecido por pelo menos 30 anos, característica presente nos melhores vinhos de Bordeaux.

O Chateau Leoville Barton é uma propriedade em Saint Julien com aproximadamente 50 hectares. Sua história começou na divisão de uma propriedade maior, chamada Leoville Estate, que se dividiu formando o Leoville Barton e também as propriedades Leoville las Cases e Leoville Poyferre.

A família Barton se mantem no controle do Chateau até os dias de hoje. A propriedade é uma das mais conceituadas da região, recebendo notas altas e consistentes da maioria dos especialistas.

Os vinhos da casa tradicionalmente apresentam grande poder de guarda, característica típica dos melhores vinhos da região.

Possui um pouco de aderência, com um quadro de carvão proeminente. Tem corpó estruturado no centro, oferecendo bolo de ameixa, conservas de groselha e notas de folhas de tabaco fumegantes, compensadas por um leve toque de anis. Deve se evoluir bem o suficiente após uma modesta guarda. Melhor de 2016 a 2026.”

92 PONTOS – Wine Spectator

REF: 0012 Categoria