Pauillac de Latour

2008

R$1.049,00

Available:Em estoque

Produtor: Chateau Latour

Safra 2008
País França
Região Bordeaux
Sub-Região/Apelação Pauillac
Volume 750ml
Uvas Merlot | Cabernet Sauvignon
Temp. de Serviço 16º – 18º
Álcool 13,5%
Download Ficha
Share this product

O Le Pauillac de Chateau Latour é o terceiro vinho do Chateau Latour. Começou a ser produzido em 1989 e tinha como principal foco ser um vinho mais acessível, mantendo a alta qualidade do produtor. O Pauillac é feito majoritariamente com vinhas mais novas, tendo um percentual maior de Merlot em relação aos outros vinhos. Outra parte do blend, com vinhas um pouco mais antigas, vem de uvas que não foram utilizadas depois da criteriosa seleção do Les Forts de Latour. Na safra 2008 o blend é composto por 55% Merlot e 45% Cabernet Sauvignon. No geral, usa-se aproximadamente 20% de barris novos para a vinificação, mas tal proporção varia de acordo com a safra.

O Chateau Latour é uma das mais antigas propriedades produtoras de vinho Bordeaux na denominação Pauillac, com uma história que remonta todo o caminho de volta ao século 14. Acredita-se que a torre original de Saint-Lambert, dando origem ao nome Latour, foi criada na segunda metade do século XIV. Atualmente o Chateau Latour produz 3 vinhos.
Dentre os muitos fatores de terroir deste excepcional Chateau, a parcela mais importante de seus 92 hectares de vinhas é denominada L´Enclos com uma área de 47 hectares no coração do vinhedo. Essa parcela é considerada por especialistas em solo na região vitícola do Médoc como o mais importante terroir da margem esquerda. Sua geologia única, com camadas profundas de pedras em meio a argila e areia, originando uvas Cabernet Sauvignon de enorme concentração e estrutura, explicando, em grande parte, a notável longevidade dos vinhos de Latour
O Latour é um dos cinco Premier Grand Cru Classé de 1855. O que mais impressiona nos tintos de Latour é sua portentosa estrutura tânica com alta porcentagem de Cabernet Sauvignon. Como consequência, se tem vinhos de grande longevidade, com uma regularidade impressionante, safra após safra. Com toda a justiça, é considerado “O Senhor do Médoc”.
Esta estrutura magnífica do chamado “Grand Vin” tem como consequência o melhor de todos os chamados segundos vinhos dos Chateaux do Médoc, o grande Les Forts de Latour, criado em 1966. Aqui se utiliza um pouco menos de barricas novas (entre 50 e 60%) e uma proporção um pouco maior de Merlot no corte final. Mesmo assim, é igualmente impressionante, sendo muito valorizado nos principais leilões. Um vinho com grande capacidade de envelhecimento, sobretudo nas grandes safras.
Continuando a excepcionalidade do grande Latour, o produtor ainda faz um terceiro vinho, fato raro na região, mesmo em se tratando dos grandes chateaux. Chamado de “Le Pauillac de Chateau Latour”, foi criado em 1989, tal era a qualidade do vinho para ser descartado como um Bordeaux comum. Sua proporção de Merlot é maior no corte, sendo bem acessível quando jovem. Mesmo assim, merece em seu amadurecimento no chateau até 20% de barricas novas, dependendo da safra. Um terceiro vinho de enorme respeito.
Atualmente, Frederic Enger é o responsável pela propriedade. Enger começou a trabalhar na propriedade 1995 e se tornou CEO em 1998 e desde que assumiu a administração da propriedade em 1995, as coisas nunca foram melhores.Na verdade, alguns dos melhores vinhos produzidos na história do Chateau Latour, foram e continuam sendo produzidos durante o seu mandato. Em 1998, o chateau renovou suas adegas e depósitos, acrescentando vários novos tanques de aço inoxidável de menor porte para dar à propriedade a capacidade de vinificar separadamente cada parcela.

 

REF: 0147 Categoria: